Metaverso vai ser explorado em Travessia, nova novela da Globo

 A Travessia, a nova novela das 21h da TV Globo, vai explorar o tema de metaverso. Este núcleo vai ter como figura central a personagem Talita interpretada pela Dandara Mariana, uma mulher muito ligada à inovação, que vai liderar a construção de um shopping center dentro do metaverso.

A novela “Travessia”, que foi escrita por Glória Perez, vai substituir a novela Pantanal no horário das 21h a partir desta segunda-feira dia 10 de outubro. A novela também marca o inicio da carreira em novelas da influenciadora e empreendedora Jade Picon.

“Vamos demonstrar varios crimes que ocorrem no mundo real quanto uma outra modalidade muito interessante, que são os crimes no ambiente digital, como o estupro no metaverso”, disse Perez, em coletiva de imprensa nesta última quarta-feira dia 21 de setembro, segundo o portal F5.

Leonardo Carvalho, que é o CEO e co-fundador da NFTFY, diz pensar que o primeiro passo para a popularização do metaverso é proporcionar educação e visibilidade do tema para grandes massas e, de acordo com ele, nada como uma novela na maior emissora de televisão do Brasil para fazer esta contribuição.

A NFTFY é uma startup nacional que concede um serviço descentralizado de fracionamento de tokens NFTs.

“Hoje, já podemos observar metaversos sendo desenvolvidos, como é o caso de games como Decentraland e The Sandbox, porém, a adoção ainda está muito pequena para a comunidade que já tem conhecimento sobre Web3”, diz.

Para Carvalho, o “boom” dessa exploração da temática metaverso ocorreu por conta do interesse de Mark Zuckerberg neste assunto.

“Não podemos deixar de falar do poder das novelas na construção da cultura brasileira, possuir o metaverso e todas suas possibilidades melhor observadas na televisão aberta pode ser o ponto de partida para popularização do tema entre a população mais distante do mercado da tecnologia”, finaliza.

A narrativa da novela “Travessia”, pelo que se mostra nos trailers divulgados, será voltada ao lado mais criminoso das tecnologias disruptivas já existentes.

O começo do enredo será voltado para um “deep fake” que são aqueles vídeos falsos criados com o uso de alta tecnologia feito para incriminar a protagonista “Brisa”, que é interpretada por Lucy Alves, no qual seu rosto é editado em um vídeo para simular que ela é uma sequestradora de crianças, um caso real que já aconteceu no Brasil.

BiticaNews publica noticias informativas, de caráter totalmente jornalístico. Essa publicação não constitui e não é uma recomendação de investimento.

Tags:

#BTC #Bitcoin #BiticaNews #Noticias #Comprar #Token #Crypto #Criptomoedas #Altcoins #Mercado #Finanças  #Banco #cryptocurrecy #Globo #Metaverse #Novela #NFT #Deepfake #Deepweb #Darkweb #Travessia

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem